Competences and Skills in Data Journalism: Perceptions on the Profile of Brazilian Professionals

Ana Paula Borges Oliveira, Alan César Belo Angeluci

Resumo


This study is an investigation of the main competences and skills necessary to become a data journalism professional in Brazil. To accomplish this, a theoretical-conceptual review was performed and data were collected from 14 semi-structured interviews conducted with two groups: the first with professionals who work with data journalism; and the second with researchers at universities across the country. The results from the analysis, supported by the ATLAS.ti software and by Bardin's studies, were organized into six categories that indicate logical and analytical reasoning as competences and skills necessary for using programming languages and for the capability of telling stories through interactive visuals. The results were made available in the beta version of the 2030 Data Journalism – an interactive cartography tool that uses geolocation and multimedia information to monitor the trends of this profession over the next years.

Neste estudo, buscou-se investigar quais seriam as principais competências e habilidades necessárias para atuar como profissional de jornalismo de dados no Brasil. Para isso, uma revisão teórico-conceitual foi realizada e dados foram coletados em 14 entrevistas semiestruturadas com dois grupos: o primeiro, com profissionais que atuam com jornalismo de dados no mercado; e o segundo, com pesquisadores em universidades do país. Na análise dos resultados, feita com apoio do software ATLAS.ti e respaldada nos estudos de Bardin, foram organizadas seis categorias em uma matriz que, entre outros aspectos, indicam como competências e habilidades necessárias o raciocínio lógico e analítico na apropriação de linguagens de programação e a capacidade de contar histórias por visualizações interativas. Os resultados foram disponibilizados na versão beta do 2030 Data Journalism – cartografia interativa que visa acompanhar, por meio de geolocalização e informações multimídias, as tendências dessa especialidade nos próximos anos.

En este estudio, se buscó investigar cuáles serían las principales competencias y habilidades necesarias para actuar como profesional de periodismo de datos en Brasil. Para ello, una revisión teórico-conceptual fue realizada y datos fueron recolectados en 14 entrevistas semiestructuradas con dos grupos: el primero, con profesionales que actúan con periodismo de datos en el mercado; y el segundo, con investigadores en universidades del país. En el análisis de los resultados, realizado con apoyo del software ATLAS.ti y respaldado en los estudios de Bardin, se organizaron seis categorías en una matriz que, entre otros aspectos, indican como competencias y habilidades necesarias el razonamiento lógico y analítico en la apropiación de lenguajes de programación y la capacidad de contar historias por vistas interactivas. Los resultados se publicaron en la versión beta del 2030 Data Journalism – cartografía interactiva que pretende acompañar, por medio de geolocalización e informaciones multimedia, las tendencias de esta especialidad en los próximos años.

Palavras-chave


Data journalism; Digital journalism; Data imaging; Interactive mapping; University

Texto completo:

PDF (English) PDF (PT)

Referências


Barbosa, S. (2004). Identificando remediações e rupturas no uso de bancos de dados no jornalismo digital. Proceedings from: 2nd Encontro de Pesquisadores em Jornalismo. Salvador: Agecom. Retrieved from https://www.facom.ufba.br/jol/pdf/2004_barbosa_remediacoes_rupturas.pdf

Barbosa, S. A. & Torres, V. (2013). O paradigma ‘jornalismo digital em base de dados’: modos de narrar, formatos e visualização para conteúdos. Revista Galáxia 13(25), p.152-164. http://dx.doi.org/10.1590/S1982-25532013000200013.

Bardin, L. (2004). Análise de conteúdo. Lisboa: Edições 70.

Bertocchi, D. (2014). Dos dados aos formatos: um modelo teórico para o design do sistema narrativo no jornalismo digital (PhD Dissertation). Retrieved from https://danielabertocchi.com/category/papers-thesis-and-more/tese-de-doutorado/

Bradshaw, P. (2010). How to be a data journalist. The Guardian, London. Retrieved from http://www.theguardian.com/news/datablog/2010/oct/01/data-journalism-how-to-guide

Brasil. (2011). Lei nº 12.527, de 18 de novembro de 2011. Regula o acesso a informações previsto no inciso XXXIII do art. 5o, no inciso II do § 3o do art. 37 e no § 2o do art. 216 da Constituição Federal. Retrieved from http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_ato2011-2014/2011/lei/l12527.htm

Estevanin, M. (2016). Processos no Jornalismo Digital: do Big Data à visualização de dados (Master Thesis). Retrieved from www.teses.usp.br/teses/disponiveis/27/27152/tde-06032017-094238

Figaro, R., Nonato, C. & Grohmann, R. (2013). As mudanças no mundo do trabalho do jornalista. São Paulo: Editora Atlas.

Gerhke, M. (2018). O uso de fontes documentais no jornalismo guiado por dados (Master Thesis). Retrieved from https://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/172614

Jenkins, H. (2009). Cultura da convergência (2nd. ed). São Paulo: Editora Aleph.

Machado, E. (2006). O jornalismo digital em base de dados. Florianópolis: Editora Calandra.

Saad Correa, E. (2015). Centralidade, transversalidade e resiliência: reflexões sobre as três condições da contemporaneidade digital e a epistemologia da Comunicação. Proceedings from: XIV Congresso Internacional Ibercom. Sâo Paulo: USP. Retrieved from http://www3.eca.usp.br/sites/default/files/form/biblioteca/acervo/producao-academica/002736076.pdf

Saad Correa, E.& Silveira, S. (2017). Proposta teórico-metodológica para a pesquisa de objetos no jornalismo. Matrizes 11(2), p. 163-182. http://dx.doi.org/10.11606/issn.1982-8160.v11i2p163-182

Träsel, M. (2014). Entrevistando planilhas: estudo das crenças e do ethos de um grupo de profissionais de jornalismo guiado por dados no Brasil (PhD Dissertation). Retrieved from http://repositorio.pucrs.br/dspace/handle/10923/6841




DOI: https://doi.org/10.25200/BJR.v15n2.2019.1141

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN da versão online: 1981-9854

ISSN da versão impressa (descontinuada a partir de 2008): 1808-4079



Datas de publicação da revista

30 de abril - 30 de agosto - 30 de dezembro

 

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.