THE OCCUPY ESTELITA MOVEMENT AND SILENCING IN PERNAMBUCO JOURNALISM

Carolina Dantas Figueiredo, Juliana Cavalcanti

Resumo


This paper investigates the press in the state of Pernambuco and its silencing of the Occupy Estelita movement by analyzing journalistic coverage on the occupation of the José Estelita pier. An examination was conducted between May and June of 2014 on how the voices for the Occupy Estelita movement were silenced in the journalistic coverage from the three main journals in Pernambuco: Folha de Pernambuco, Diario de Pernambuco and Jornal do Commercio. At a time when traditional media are experiencing a crisis in their business model and information is increasingly horizontal, we reflect on the silencing of the Occupy Estelita movement in the Pernambuco press.

Este artigo se propõe a investigar o silenciamento da imprensa pernambucana no caso do Movimento Ocupe Estelita, a partir da análise da cobertura jornalística realizada durante a ocupação do terreno do Cais José Estelita. Entre maio e junho de 2014, diagnosticou-se como a voz do Movimento Ocupe Estelita foi silenciada na cobertura jornalística dos três principais jornais pernambucanos: Folha de Pernambuco, Diario de Pernambuco e Jornal do Commercio. Em um momento em que os meios tradicionais de comunicação vivem uma crise de modelo do negócio e no qual a informação é cada vez mais horizontal, avalia-se aqui os reflexos do silenciamento do tema Ocupe Estelita na pauta da imprensa pernambucana.

Este trabajo propone investigar lo silenciamiento realizado por la prensa del estado de Pernambuco en el que se refiere a el caso del Movimento Ocupe Estelita, tomando como referencia el análisis de la cobertura periodística realizada durante la ocupación del terreno del Cais José Estelita. Entre mayo y junio de 2014, fue realizado un diagnóstico de cómo la voz de Movimento Ocupe Estelita fue silenciada en la cobertura periodística de los tres principales periódicos de Pernambuco: Folha de Pernambuco, Diario de Pernambuco y Jornal do Commercio. En un momento en que los medios tradicionales experimentan una crisis de modelo de negocio y en que la información es más horizontal, evaluamos los reflejos de lo silenciamiento del caso Ocupe Estelita en la prensa de Pernambuco.

Palavras-chave


Journalism; Occupy Estelita; Silence; Silencing; Content analysis

Texto completo:

PDF (English) PDF (PT)

Referências


Amorim, E. B. (2017). Os silêncios e a cobertura midiática da Copa do Mundo em Pernambuco (Unpublished master thesis). Federal University of Pernambuco, Recife.

Barcelos, M. S. (2013). Jornalismo cidadão no impresso: coautoria, técnica e ética na participação e produção de conteúdo dos leitores nos jornais da RBS em Santa Catarina. Vozes e Diálogo, 11(2), 19-29. Retrieved from https://siaiap32.univali.br/seer/index.php/vd/article/view/4327

Bardin, L. (2011). Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70.

Batista, M. (2015). Entre a rede e a comunidade: interação e comunicação nos grupos do Facebook – o caso do Direitos Urbanos (Doctoral dissertation). Federal University of Pernambuco, Recife. Retrieved from https://repositorio.ufpe.br/handle/123456789/18015

Borges, S. (2015). O repórter-amador. Recife: Cepe.

Carvalho, J. M., & Lourenço, A. L. (2013). Clivagem da democracia no plano digital da esfera pública. In J. M. Carvalho, A. F. Magnoni & M. Y. Passos (Eds.), Economia política da comunicação: digitalização e sociedade (pp. 172-191). São Paulo: Cultura Acadêmica.

Correia, J. C. (2005). A Teoria da Comunicação de Alfred Schutz. Lisbon: Livros Horizonte.

Harvey, D. (2014). Cidades Rebeldes: do direito à cidade à revolução urbana. São Paulo: Martins Fontes.

Moreira, C. B. (2007). Censura e Silenciamento no Discurso Jornalístico. In A. P. Ribeiro e M. A. Ferreira (Eds.), Discurso das Mídias: a produção de sentidos nos meios de comunicação (pp. 319-342). Rio de Janeiro: Mauad.

Kuncinski, B. (1991). Jornalistas e revolucionários nos tempos da imprensa alternativa (Unpublished doctoral dissertation). University of São Paulo, São Paulo.

Orlandi, E. P. (1995). As formas do silêncio: no movimento dos sentidos. Campinas: Unicamp.

Traquina, N. (2002). Os valores-notícia segundo Traquina. In: Jornalismo (pp. 186-208). Lisbon: Quimera.

Van Dijk, T. A. (2017). Discurso e Poder. São Paulo: Contexto.




DOI: https://doi.org/10.25200/BJR.v16n1.2020.1176

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN da versão online: 1981-9854

ISSN da versão impressa (descontinuada a partir de 2008): 1808-4079



Datas de publicação da revista

30 de abril - 30 de agosto - 30 de dezembro

 

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.