Epistemologia, discurso e notícia: possíveis aproximações entre as análises de discursos e a pesquisa em jornalismo

Kleber Mendonça

Resumo


Os dias de hoje exigem um esforço metodológico para a construção de mecanismos teóricos que permitam entender a complexidade do papel do jornalismo no contemporâneo. Diante disso, o presente artigo parte da análise da relação entre jornalismo e estratégias de visibilidade pública de atores sociais para defender a inversão do olhar analítico, tradicionalmente presente nas análises de discurso voltadas a pensar a produção das notícias. Ao propor o conceito de ruína discursiva, o artigo defende que as estratégias de visibilidade midiática de movimentos contestadores são também produtoras dos textos informativos. Com isso, o pesquisador pode explicitar gestos discursivos de ruína das ações contestadoras que são,também, ruína da transparência (e da objetividade) da linguagem jornalística. Assim, se o analista for capaz de superar as simples denúncias de direcionamentos de sentido, poderá contribuir,efetivamente, para pensar, de modo mais complexo, o jornalismo e seus efeitos discursivos de verdade.


Palavras-chave


Estudos de jornalismo ; análise do discurso ; MST ; ruína discursiva

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25200/BJR.v6n1.2010.250

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN da versão online: 1981-9854

ISSN da versão impressa (descontinuada a partir de 2008): 1808-4079



Datas de publicação da revista

30 de abril - 30 de agosto - 30 de dezembro

 

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.