A convergência como instrumento de renovação/conservação do jornalismo em Galícia: estratégias e indefinições

Xosé López Gárcia, Moisés Limia Fernández, Carlos Toural Bran, José Pereira Fariña

Resumo


Este artigo faz uma reflexão teórica sobre o conceito de convergência na Comunidade Autônoma da Galícia, na Espanha. Nesta área geográfica, caracterizada pelo seu respeito à tradição jornalística (principalmente ligada à imprensa) e sua inércia, é possível distinguir duas atitudes diferentes (conflitantes mesmo) com o fenômeno de convergência. Coexistem, portanto, estratégias de conservação (concentrando-se principalmente no lado do negócio do fenômeno convergente) com estratégias de renovação (criação de novos espaços na web, grande aposta nas possibilidades das novas tecnologias e das redes sociais). Apresentamos um estudo analítico sobre a coexistência dessas duas interpretações da convergência (mercadológica e tecnológica, respectivamente) no ecossistema comunicativo da Galícia. Podemos detectar o início de uma tensão dialética entre os discursos de renovação e conservação que atualmente convivem em harmonia, Supõe-se que, com o passar do tempo, a indústria de informação da Galícia opte para a rota que garanta a sobrevivência dos seus meios de comunicação.


Palavras-chave


Convergência; cibermeios; jornalismo 3.0; social media.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25200/BJR.v8n1.2012.400

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN da versão online: 1981-9854

ISSN da versão impressa (descontinuada a partir de 2008): 1808-4079



Datas de publicação da revista

30 de abril - 30 de agosto - 30 de dezembro

 

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.