A imagem fotográfica do cotidiano: significado e informação no jornalismo

Atílio Avancini

Resumo


O fundamento teórico deste artigo são os princípios conceituais dos franceses Philippe Dubois (baseado no livro O Ato Fotográfico), Roland Barthes (livro A Câmara Clara) e Henri Cartier-Bresson (texto O Instante Decisivo). Seus textos de leitura são referência para o objetivo de proporcionar uma compreensão dos significados das fotografias na narrativa jornalística. É um debate crítico sobre a presença da imagem fotográfica no jornalismo, reorganizando conhecimentos diante da fragilidade conceitual, que passa a fotografia digital como documento e informação. Uma das ideias a ser considerada se vincula na hipótese de que hoje, na reconfiguração dos estudos fotográficos do cotidiano urbano (crise de identidade gerada pela tecnologia digital), o sentido se faz mais importante do que a imagem pela imagem.


Palavras-chave


Comunicação; Jornalismo visual; Reportagem fotográfica; Vida urbana; Significação na fotografia

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.25200/BJR.v7n1.2011.285

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN da versão online: 1981-9854

ISSN da versão impressa (descontinuada a partir de 2008): 1808-4079



Datas de publicação da revista

30 de abril - 30 de agosto - 30 de dezembro

 

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.