Aspectos da Discursividade Visual de um Jornalismo Gráfico: enunciação narrativa e testemunho visual em Le Photographe

Benjamim Picado

Resumo


O artigo examina algumas das características que fazem de obras quadrinísticas exemplares de um sub-gênero designado como “jornalismo gráfico”: caracterizado pela aproximação entre recursos visuais e discursivos das narrativas gráficas e pela exploração de universos temáticos associados à atualidade histórica e social, tais materiais suscitam discussões sobre critérios definidores das práticas do jornalismo, reconhecidos aí seus elementos, recursos, instituições e dispositivos. Interessa-nos observar as características de uma obra neste contexto, o álbum Le Photographe (GUIBERT, LEFÈVRE e LEMERCIER, 2009), observando aquilo que ilustra os regimes enunciativos e narrativos derivados das formas visuais empregadas nesta narrativa gráfica. Privilegiam-se abordagens metodológicas que discriminam a especificidade/integração de diferentes mídias (desenho, fotografia e composição gráfica), constituindo uma discursividade testemunhal das narrativas visuais contemporâneas: focalizam-se os esquemas narrativos da representação de ações e os jogos que demarcam as diferentes posições enunciativas da narração, pela oscilação entre formas desenhadas e fotografias.

Palavras-chave


jornalismo em quadrinhos; narrativas gráficas; enunciação narrativa; formas documentais; Le Photographe,

Texto completo:

PDF

Referências


ADAMS, Jeff (2008). Documentary Graphic Novels and Social Reality. Berna: Peter Lang;

BAETENS, Jan (2001). “Revealing Traces: a new theory of graphic enunication”. In: The Language of Comics: words and image (Robin Varnum e Christina T. Gibbons, eds.). Jackson: University Press of Mississipi: pp. 145, 155;

BANITA, Giorgiana (2013). “Cosmopolitan Suspiscion: comics journalism and graphic silence”. In: Transnational Perspectives on Graphic Narratives: comics at the crossroads (Daniel Stern, Shane Denson, Christina Meyer, eds.). London: Bloomsbury: pp. 49,66;

BARTHES, R. (1966). “L’analyse structurale du récit”. In: Communications. 8: pp. 1,27;

BENVENISTE, Émile (1966). Problèmes de Linguistique Generale, 1. Paris: Gallimard;

BORDWELL, David (2004). “Neo-Structuralist narratology and the functions of filmic storytelling”. In: Narrative Across Media: the languages of storytelling (Marie-Laure Ryan, Ed.). Lincoln: Nebraska University Press: pp. 203, 219;

EL REFAIE, Elisabeth El (2012). Autobiographic Comics: life writing in pictures. Jackson: University of Mississipi Press;

FRANÇA, Andrea (2009). “É possível Conhecer a Estória Toda? variações do documental e do tribunal nas imagens contemporâneas”. In et al. Imagem Contemporânea (Beatriz Furtado, org.). vol II : pp. 215,233;

FRANÇA, Andrea, PICADO, Benjamim e LINS, Consuelo (2013). “Figuras da Imersão Visual do Espectador na Imagem: a construção dos ‘lugares da experiência’ nas práticas documentais contemporâneas”. In: Comunicação, Mídia e Consumo. 10/28: pp. 31,48;

GAUDRÉAULT, André e JOST, François (1990). Le Récit Cinematographique. Paris: Nathan;

GUIBERT, Emmanuel, LEFÈVRE, Didier e LEMERCIER, Frédedèric (2009). The Photographer (trad. ing. Alexis Siegel). New York: First Second;

LINS, Consuelo (2011). “Le film-dispositif dans le documentaire brésilien contemporain”. In : Cinémas. 22/1 : pp. 93,104 ;

LUGON, Olivier (2004). Le Style Documentaire: d’August Sander a Walker Evans. Paris: Macula

LUNSFORD, Andrea A. e ROSENBLATT, Adam (2011). “’Down a Road into an Awful Silence’: graphic listening in Joe Sacco’s Comics Journalism”. In: Silence and Listening as Rhetorical Arts (Cheryl Glenn e Krista Ratcliff, Eds.). Carbondalle: Southern Illinois University Press: pp. 130,146;

MARION, Philippe (1993). Traces en Cases: travail graphique, figuration narrative et participation du lecteur. Louvain-laNeuve: Academia;

METZ, Christian (1991). L’Énonciation Impersonelle. Paris:

PICADO, Benjamim (2011). “Sentido Visual e Vetores de Imersão : regimes plásticos da implicação do espectador no fotojornalismo”. In : Galaxia. 22 : pp. 53,66 ;

PICADO, Benjamim (2014). O Olho Suspenso do Novecento: plasticidade e discursividade visual no fotojornalismo moderno. Rio: Azougue/FAPERJ;

POIVERT, Michel (2009). La Photographie Contemporaine. Paris: Flammarion;

ROSENBLATT, Adam e LUNSFORD, Andrea A. (2010). “Critique, caricature and compulsion in Joe Sacco’s Comics Journalism”. In: The Rise of the American Comics Artist: creators and contexts (Paul Williams e James Lyons, Eds.). Jackson: University of Mississipi Press: pp. 68, 89;

SCHAEFFER, Jean-Marie (1999). Pourquoi La Fiction? Paris: Seuil;

SCHAEFFER, Jean-Marie (2000). Adieu à l’Esthétique. Paris: PUF.




DOI: https://doi.org/10.25200/BJR.v11n1.2015.678

Métricas do artigo

Carregando Métricas ...

Metrics powered by PLOS ALM

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN da versão online: 1981-9854

ISSN da versão impressa (descontinuada a partir de 2008): 1808-4079



Datas de publicação da revista

30 de abril - 30 de agosto - 30 de dezembro

 

Creative Commons License

This work is licensed under a Creative Commons Attribution-NonCommercial-NoDerivatives 4.0 International License.